Histórico

O Centro Interdepartamental de Tradução e Terminologia (CITRAT) foi formalmente constituído em dezembro de 1992. Integram o CITRAT os Departamentos da Faculdade de Letras, a saber: Letras Clássicas e Vernáculas, Letras Modernas, Letras Orientais, Linguística e Teoria Literária e Literatura Comparada.

Objetivos do CITRAT:

  • Constituição de um serviço de documentação relativo às atividades científicas, culturais e profissionais da tradução e da terminologia do país;
     
  • levantamento e constituição de acervo de textos científicos e culturais brasileiros traduzidos para idiomas estrangeiros;
     
  • investigação de métodos e tecnologias apropriadas para a condução de trabalhos de tradução e terminologia;
     
  • organização de bancos de dados terminológicos mono, bi e multilíngues;
     
  • divulgação de suas atividades, mediante publicações e cursos;
     
  • organização e administração de uma área de concentração interdepartamental em Estudos Tradutológicos;
     
  • outras atividades de pesquisa e de prestação de serviços pertinentes a sua especificidade, inclusive por convênio.

Atividades de Cultura e Extensão desenvolvidas:

  • cursos de aperfeiçoamento em tradução literária, legendagem e tradução para dublagem, ministrados por profissionais de reconhecida competência em sua área;
     
  • palestras com professores convidados do Brasil e do exterior nas áreas de tradução e terminologia;
     
  • seminários temáticos para graduandos, pós-graduandos e demais interessados sobre tópicos específicos e atuais nas áreas de tradução técnica e constituição de banco de dados.

Convênios firmados:

  • Universidade de Paris III (Dep. de Línguas Estrangeiras Aplicadas) na França
  • Universidade de Heidelberg na Alemanha
  • Universidade de Vigo na Espanha

Outras atividades do CITRAT:

  • Projetos de pesquisa (iniciação científica, pós-graduação);
     
  • co-participação na organização de congressos e eventos no país;
     
  • membro da RITerm (Rede Ibero-Americana de Terminologia).